Vitrine Dia dos Namorados

O Dia dos Namorados é uma data muito significativa, que tem se destacado cada vez mais, no calendário do comércio.

Segundo informações da CDL de Barra Mansa - RJ, as vendas referentes a esta data, já são maiores que as ocorridas no Dia das Mães. Não é que as mães tenham perdido seu prestígio, mas porque o presente dos namorados é dobrado. Afinal, trata-se de um casal que se presenteia.

Além da decoração da vitrine, o investimento em ferramenta de marketing passa pelo treinamento da equipe e o abastecimento da loja com produtos especiais para a data. Segundo a CDL, o que tem sido empregado neste tipo de campanha é o marketing sensorial.


Como funciona o marketing sensorial?

Simplificando: Em datas comemorativas com grande apelo emocional, sabe-se que o público fica sensível à outros meios de percepção, além da visão e audição. Neste sentido, uma loja decorada para o Dia dos Namorados pode utilizar como efeito de impacto, a música e a aromatização de ambiente.

Como os sentimentos estão aflorados, a utilização de músicas, poesias, cores, aromas e sabores criam um clima harmonioso e envolvente, que podem gerar sucesso nas vendas.


Em Barra Mansa já estão utilizando este estilo de apelo nas vitrines.

O tema coração sempre é muito explorado, tanto em adesivos como em almofadas e móbiles. Rosas vermelhas, laços de cetim, taças e garrafas de champanhe etc... Não vi nenhuma vitrine mais conceitual e dramática. Duas lojas conceituadas: uma de chocolates e uma perfumaria, estavam impecáveis como sempre.



"Deixe aqui o seu recadinho de amor!"

Não tive a oportunidade de fotografar, mas parei diante desta vitrine onde havia o convite acima. Uma loja de moda e acessórios para jovens, que utilizou a palavra "Eu te Amo" em adesivo, formando só o contorno de um grande coração, com a frase inúmeras vezes repetida em vermelho. Ao seu redor, foram colados vários recadinhos de amor escritos pelos clientes. (A loja disponibilizou canetas e bloquinhos com detalhe em vermelho nas páginas.) Havia música e jovens no interior... E mais jovens, lendo os bilhetinhos da vitrine.

Esta loja utilizou um sistema de vitrine interativa. Colocou em prática as dicas sensoriais da CDL, causou impacto, e, tudo isso com simplicidade e materiais de baixo custo.



(Ilustração: Criei na Comunidade de Moda byMK)





Limara Lis